Bigorna, ferramenta antiga que continua atual

Antigamente o trabalho dos ferreiros era muito diferente em comparação com os dias atuais. O trabalho era bem mais manual, braçal, sem o advento de ferramentas elétricas e pneumáticas como temos hoje em qualquer oficina ou indústria. Entretanto ainda sim o uso da bigorna resistiu ao tempo, os equipamentos atuais evoluíram muito no processo de bater, prensar, mas ainda sim é preciso de uma base para aguentar esse serviço, a bigorna é isso, uma base que aguenta grandes impactos. Sendo assim, a bigorna é um objeto que dá suporte no trabalho de um ferreiro ou mineiro e que, na história, surgiu há muito tempo.

As bigornas são feitas de metais maciços como ferro fundido, ferro forjado, aço, entre outros, e podem ser utilizadas em caldeirarias, indústrias, serralherias e outros. Como no caso de um ferreiro, ele pode apoiar a ferramenta na bigorna para forjar e modelar um objeto, como uma faca por exemplo, material da cutelaria. A bigorna, como base para os golpes que o ferreiro dá, fornece um reforço e diminui o esforço do ferreiro, devolvendo parte da energia das marteladas.

Uma grande vantagem dessa ferramenta é sua durabilidade. Comprou, vai durar a vida toda. Como são feitas de ferro ou aço maciço, é um item robusto, resistente. Feito para aquentar impactos, então é um investimento duradouro para seu negócio ou hobby.

O formato da bigorna é comum entre os diferentes tamanhos e pesos, assim como é importante, pois a base, o corpo e as pontas laterais têm suas funções. A base e o corpo dão a sustentação necessária para receber os golpes, a parte plana e superior se chama traça e é ali que o objeto a se trabalhar permanece durante o processo. As duas pontas laterais são diferentes e podem ser chamadas de chifre quadrado e chifre redondo, como se vê na imagem abaixo.

Bigorna Ferro nodular

Ambas as laterais fornecem um apoio para a modelagem ideal às ferramentas e materiais trabalhados. E quanto mais preservadas forem as laterais, melhor é para o trabalho. Além disso, possui um ou dois orifícios ideais para apoiar ferramentas, como um martelo, ou mesmo auxiliar na modelagem em que seja necessário um buraco.

O peso de uma bigorna varia desde 1kg a 500kg (até onde se sabe) e claramente, o tamanho acompanha o peso específico. Na Cofermeta você pode encontrar as variedades de tamanhos e pesos, além das marcas que temos: FBM, Metalcava, Metasul.

Na hora de comprar é simples, se trata de uma ferramenta que não tem “segredo”, o único ponto a se observar é o tamanho e peso. Planeje onde deseja colocar a bigorna, observe se tem espaço suficiente e se possui uma base robusta para aguentar os impactos sob ela.

Outra ferramenta essencial para acompanhar uma bigorna é o martelo, mas para cada tipo de forja e material a ser trabalhado, existem marretas ou martelos específicos. Na Cofermeta você pode encontrar uma variedade deles. Outras ferramentas moldadoras também podem ser utilizadas.

Se você pretende avaliar as variedades das nossas bigornas para um melhor ambiente de trabalho, veja em nosso site. Em caso de dúvidas, entre em contato conosco!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.